Urologia Pediátrica

Nove dicas para garantir a segurança das crianças na internet

De acordo com o estudo da Intel Security realizado no ano passado, quase metade das crianças e adolescentes brasileiros admitem esconder suas atividades online dos pais (48%) e mudar seu comportamento quando sabem que os pais estão vigiando (33%). Entre as técnicas mais usadas pelas crianças para esconderem o que fazem estão: apagar o histórico do navegador (23%), apagar mensagens (20%), usar um dispositivo móvel em vez de laptop ou desktop (17%) e minimizar o navegador quando adultos estão por perto (16%).
 
Outro dado preocupante é que quase 30% das crianças passam de 2 a 5 horas por dia usando dispositivo móvel em atividades como assistir vídeos (62%), mídias sociais (59%) e trocar mensagens (47%).
 
José Matias Neto, diretor de suporte técnico da Intel Security, comenta que é muito importante que os pais estejam atentos e acompanhem todos os passos das crianças na internet. "Além de ameaças tecnológicas como malwares, existem ameaças muito piores como contato com desconhecidos e mesmo agressões virtuais como o cyberbullying. Muitas vezes os pais acreditam que os filhos sabem mais de tecnologia do que eles próprios e acabam não dando a devida atenção à exposição e ao comportamento que a criança tem no mundo virtual", explica Matias.
 
Veja algumas dicas da Intel Security para proteger as crianças na internet:

1. Conecte com seus filhos

É muito importante falar casualmente e frequentemente com as crianças sobre os riscos on-line, e certificar-se que as linhas de comunicação estejam sempre abertas. Comente sobre notícias relevantes ou casos que tenham acontecido na escola ou com pessoas conhecidas.

2. Crie regras

Dependendo da idade da criança é importante definir um limite de tempo para jogos e passatempos na Internet. Também é importante usar ferramentas para bloquear o acesso a conteúdos inapropriados para a idade.
 
3. Alerte sobre a importância das senhas

Para mostrar amizade e confiança, as crianças podem compartilhar suas senhas de mídia social com amigos ou conhecidos. Amigo ou não, esta é uma prática perigosa e as senhas jamais devem ser compartilhadas.
 
4. Leia os comentários dos aplicativos usados pelas crianças

Ao conhecer mais sobre os aplicativos como restrições de idade e comentários de clientes, você estará mais bem preparado para avaliar se um aplicativo pode ser adequado para o seu filho.
 
5. Ganhe acesso

Os pais devem ter as senhas para contas de mídia social dos filhos, assim como as senhas dos dispositivos.
 
6. Amplie seu conhecimento em tecnologia

Busque informações sobre redes sociais, dispositivos e jogos mais populares.
 
7. Crie contas nas redes sociais

Tenha contas nas redes sociais que as crianças usam. Ficar bem informado é uma forma importante para entender como elas funcionam e como as crianças se comportam nesses ambientes.
 
8. Fique atento ao cyberbullying

A possibilidade de anonimato com a criação de perfis falsos nas redes sociais pode fazer com que as crianças tenham comportamento cruel e inadequado com outros colegas. Fique atento se a criança não está sendo alvo de bullying virtual ou se ela não o está cometendo.
 
9. Instale uma solução de segurança em todos os dispositivos

Mantenha sempre soluções de segurança abrangentes como o McAfee Live Safe TM instaladas e atualizadas em todos os dispositivos usados pelos seus filhos, sejam computadores, tablets ou smartphones. Utilize as ferramentas de controle parental para bloquear sites e aplicativos inadequados e para controlar o que as crianças fazem na internet.


Fonte: http://www.mundopositivo.com.br/noticias/segurancadigital/20445953-nove_dicas_para_garantir_a_seguran%C3%A7a_das_crian%C3%A7as_na_internet.html

 

Localização do Consultório do Dr. José Murillo

Localização

Av. Rio Branco, 2985 sala 605
Centro
Juiz de Fora/MG
36010-012

(32) 3218-9899

Localização completa do consultório do Dr. José Murillo, mostrando locais próximos para estacionamento, pontos de taxi e ônibus.

Fechar

Atendimento

Preencha todos os campos do formulário abaixo para enviar sua mensagem ao consultório do Dr. José Murillo

© 2014. Todos os direitos reservados.